quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

O Homem e a Carroça Com Três Pedras

Conta-se a história de um homem que um dia encontrou Deus num vale.

- Como você está nesta manhã? – perguntou Deus.

- Estou bem, obrigado – respondeu o homem. – Posso fazer alguma coisa pelo Senhor hoje?

- Sim – disse Deus – tenho uma carroça com três pedras e preciso que alguém leve até a colina para mim. Você está disposto?

- Sim, gostaria muito de fazer algo pelo Senhor. As pedras não parecem pesadas e a carroça está em boas condições. Ficaria feliz em fazê-lo. Onde o Senhor gostaria que eu a deixasse?

Deus deu ao homem instruções específicas, desenhando um mapa no chão, à beira da estrada.

- Passe pelo bosque e suba pela estrada que termina no alto da colina. Quando chegar ao cume, deixe lá a carroça. Obrigado por sua boa vontade em me ajudar.

- Tudo bem! – o homem respondeu e começou sua caminhada animado.

A carroça se arrastava devagar, mas a carga era leve. Ele começou a assobiar enquanto caminhava rapidamente pela floresta. Que alegria ser capaz de ajudar o Senhor, pensou ele admirando o lindo dia. Perto da terceira curva, entrou numa pequena vila. As pessoas sorriam e o cumprimentavam. Então, na última casa, um homem o parou e lhe perguntou:

- Como você está nesta manhã? Que linda carroça você tem aí. Aonde você vai?

- Bem, hoje de manhã Deus me deu um trabalho. Vou deixar essas três pedras no topo da colina.

- Que maravilha! Você acredita? Pela manhã estive orando porque não sabia como levar essa rocha até o cume da montanha – disse o homem com grande entusiasmo. – Você poderia levá-la para mim até lá? Seria como uma resposta à minha oração.

O homem com a carroça sorriu e respondeu:

- Claro! Coloque-a atrás das três pedras.

Então, partiu o homem com três pedras e uma rocha dentro da carroça que parecia um pouco mais pesada. Ele podia sentir o solavanco de cada batida e a carroça já puxava para o lado. O homem parou para ajeitar a carga enquanto cantava um hino de louvor, satisfeito por ajudar um irmão e também a Deus. Depois, partiu novamente e logo chegou a um outro vilarejo. Um grande amigo vivia lá e lhe ofereceu um refresco.

- Você está indo para o topo da colina?

- Sim! Estou muito entusiasmado. Imagine, Deus me deu algo a fazer!!

- Ei! Preciso levar uma mala de seixos para lá. Estava preocupado pois não arranjava tempo para levá-la eu mesmo. Mas você poderia encaixá-la entre as três pedras, aqui no meio. – Deste modo, colocou sua carga na carroça.

- Isso não deve ser problema – disse o homem. Acho que consigo levar. Terminou de beber o refresco, levantou-se e com um aceno começou a puxar a carroça de volta para a estrada.

Definitivamente, a carroça pesava em seus braços agora, mas não chegava a ser desconfortável. No início da subida começou a sentir o peso. Apesar disso, sentia-se bem por estar ajudando um amigo. Certamente Deus ficaria orgulhoso de sua energia e disposição para ajudar.

A uma pequena parada seguiu-se outra e a carroça começou a ficar cada vez mais pesada. O sol estava quente e seus ombros doíam por causa do esforço. Logo as canções de gratidão deixaram seus lábios e o ressentimento começou a crescer em seu interior. Não foi isso que ele aceitou pela manhã. Deus havia lhe dado uma carga mais pesada do que ele era capaz de suportar.

A carroça parecia enorme e desajeitada enquanto se movia com dificuldades. Frustrado, o homem começou a pensar em desistir e em deixar a carroça rolar ladeira abaixo. Deus estava fazendo um jogo cruel com ele. A carroça cambaleou e a carga se chocou com a parte de trás de suas pernas, machucando o homem.

- Já chega! Deus não pode esperar que eu puxe tudo isso até o alto da montanha. Ó, Deus. Isso é muito duro para mim! Pensei que estivesses me ajudando nessa viagem, mas estou oprimido por uma carga muito pesada. O Senhor tem que arrumar mais alguém para levá-la. Não sou forte o bastante.

Quando orou, Deus apareceu ao seu lado.

- Parece que você está em dificuldades. Qual é o problema?

- Tu me deste um fardo pesado demais. Isso não é para mim!

Deus caminhou até a carroça, apoiada em uma pedra.

- O que é isso? – e levantou a mala de seixos.

- Isso pertence ao John, meu grande amigo. Ele não tinha tempo para trazê-la sozinho. Pensei que poderia ajudar. - E isto?

Deus continuou a esvaziar a carroça, retirando tanto itens leves como pesados. Caíram no chão e a poeira levantou. O homem que esperava ajudar a Deus ficou em silêncio.

- Se você permitir que os outros levem as suas próprias cargas, eu o ajudarei com sua tarefa.

- Mas eu prometi que ajudaria! Não posso deixar essas coisas abandonadas aqui.

- Deixe que os outros carreguem seus próprios pertences – disse Deus mansamente. – Sei que você estava tentando ajudar, mas enquanto você estiver sobrecarregado com todos esses cuidados, não conseguirá fazer o que lhe pedi.

O homem logo se pôs de pé, percebendo subitamente a liberdade oferecida por Deus.

- Quer dizer que só preciso levar as três pedras?

- Foi o que lhe pedi. – Deus sorriu – Meu jugo é suave e meu fardo é leve. Nunca vou lhe pedir para carregar mais do que você consegue suportar.

- Eu consigo fazer isso! Disse o homem sorrindo. Agarrou o cabo da carroça e recomeçou sua jornada. Um novo canto lhe encheu os lábios, com grande alegria chegou ao topo da colina. Foi um dia maravilhoso, pois ele havia feito o que o Senhor lhe pediu.

Fonte: Livro “Como Ter Um Coração De Maria No Mundo De Marta” Joanna Weaver, com informações de 
http://variedadesgospelveras.blogspot.com.br/

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

DOIS CAVALOS

Na estrada de minha casa há um pasto e dois cavalos estão sempre por lá. De longe, parecem dois cavalos normais.
Um dia, porém, eu estava passado à pé e eles estavam próximos à cerca; foi então que eu pude ver que um deles é cego.
dois_cavalos_cego
Também reparei que o outro cavalo trazia preso ao pescoço um sininho, igual àqueles que se costuma colocar nas ovelhas.
O curioso, no entanto, é que o cavalo que enxerga é novo e poderia correr sozinho pelo pasto na velocidade que quisesse, mas ele sempre — parece — está cuidando do cavalo cego, mantendo um ritmo que o outro consegue acompanhar e se guiar pelo som do sininho. De manhã à noite, quando voltam para o estábulo.
O cavalo cego faz companhia ao cavalo jovem; este, lhe empresta os olhos.
“Dediquem-se uns aos outros com amor fraternal” – Romanos 12:10
FONTE: http://www.sitedopastor.com.br/

MALA CHEIA

Resultado de imagem para MALA CHEIA
Certo jovem crente se preparava para uma viagem. Quando seu amigo veio buscá-lo, perguntou-lhe:
– Já arrumou suas coisas, vamos? Tudo pronto?
– Quase,
 respondeu ele, só falta pôr mais umas coisinhas na mala, e começou a ler uma lista:
* um mapa
* uma lâmpada
* uma bússola
* um espelho
* alguns livros de poesia
* algumas biografias
* uma coletânea de cartas antigas
* um livro de cânticos
* um livro de histórias
* um prumo
* um martelo
* uma espada
* um capacete
* …
A essas alturas, o amigo já estava apavorado: – Mas, cara, o carro já está cheio, não vai dar para você levar tudo isso!
– Acalme-se, está tudo aqui, e mostrou-lhe sua Bíblia.
Toda Escritura é divinamente inspirada e proveitosa para ensinar, para repreender, para corrigir, para instruir em justiça – II Timóteo 3.16
Autor: Desconhecido
Enviado pelo colaborador: Wilson B. Vasconcelos
FONTE: http://www.sitedopastor.com.br/

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Jim Carrey prega sobre salvação em Cristo em centro de recuperação

O famoso ator Jim Carrey fez um discurso recente sobre sua fé em Jesus Cristo em um ministério cristão que se dedica a ajudar na recuperação de usuários de drogas e ex-presidiários. Após ser apresentado pelo líder cristão que dirige o local, ele declarou: “Esta sala está cheia de Deus”.
Em seguida, afirmou que tem passado por momentos difíceis em sua vida nos últimos anos e que “o sofrimento leva à salvação.” Disse ainda que Jesus sofreu mais que todos na cruz, mas escolheu o caminho da submissão a Deus e o perdão e que todos deveriam fazer o mesmo.
Com o nome de Homeboy Industries, a organização visitada por Carrey fica em Los Angeles e seu foco é auxiliar pessoas que estiveram envolvidas em gangues. Além de oferecer ajuda com advogados, eles também pagam pela remoção de tatuagens com os nomes das gangues e auxiliam as pessoas a procurarem emprego e “começar de novo”.
“Vocês estão aqui e isso indica que estão tomando uma decisão: trilhar o caminho do perdão e graça. Assim como Cristo fez na cruz. Ele sofreu terrivelmente e deu tudo por nós, a ponto de morrer”, assegurou o ator em uma mistura de testemunho e pregação.
“Usar o sofrimento e transformá-lo em compaixão e perdão é o que abre as portas do céu para todos nós. Isto é o que eu desejo para todos vocês e eu quero isso para mim também”, assegurou, sento bastante aplaudido.
Carrey tem um histórico de envolvimento com drogas e deve ir a julgamento nos Estados Unidos pela morte de uma ex-namorada.
Embora ele não tenha vindo a público anunciar sua conversão a Cristo, o vídeo onde ele aparece pregando sobre Jesus tem chamado a atenção da mídia como um indício de que o ator teve uma mudança de vida recentemente. Com informações de Hello Christian

Fonte: https://noticias.gospelprime.com.br/jim-carrey-prega-salvacao-em-cristo/

Homem levou 600 chibatadas pelo evangelho

Resultado de imagem para Homem levou 600 chibatadas pelo evangelho
O missionário João Marcos Florentino, da JM Missões Mundiais, publicou a história de um homem que, de acordo com suas palavras, levou 600 chibatadas após ser preso em um país de maioria mulçumana.
D., cuja identidade não foi revelada para não provocar danos à sua integridade, era professor universitário em uma universidade islâmica, dono de um supermercado, casado e com filhos.
“Foi justamente por seus estudos e discussões em sala de aula sobre o Corão e sua doutrina que várias dúvidas foram se formando em seu coração, especialmente as relacionadas ao Jesus. Sua maior questão era: ‘se os cristãos, judeus e muçulmanos reconhecem a Abraão como patriarca, porque os judeus não se tornaram cristãos, e os cristãos não se tornaram muçulmanos?’.”, disse João.
Ele procurou o líder de uma mesquita para auxiliá-lo nesta questão. O líder, por sua vez, o denunciou. D. foi condenado a um ano e seis meses de prisão, recebeu 600 chibatadas durante este período e, além disso, todos os seus bens foram confiscados, o que fez sua família passar necessidade.
João conta outros detalhes sobre a trajetória de D. “Para não morrer, teve que deixar a esposa e os filhos após cumprir a sentença e fugir para outro país. Ali, Deus o conduziu a uma igreja cristã, onde foi acolhido. Foi-lhe dada oportunidade de sair daquele país, mas decidiu ficar para continuar a estudar profundamente a teologia bíblica, mesmo que lhe custasse continuar separado da família”.
De volta ao país com uma Bíblia, D. passou a estudar a Bíblia com outras pessoas, mas um vizinho o denunciou para uma polícia secreta. Foi torturado por mais 20 dias. Depois de ser liberto, teve que fugir novamente e encontrou o apoio da instituição.
“A família e ele vêm sendo acompanhados por um de nossos missionários da terra no Oriente Médio, ao tempo que tem sido uma bênção para o Evangelho nessa região”, disse João Marcos.
com informações: gospelprime (http://www.gospeln.com/homem-600-chibatadas-evangelho)

Homem que declara ser Jesus Cristo atrai seguidores na África

Um homem chamado Omowole Isaac Omogoroye declara agora ser “o único filho de Deus” e o “esperado Jesus Cristo” que voltou para cumprir as profecias bíblicas. Em uma entrevista à TV local, afirmou que será próximo presidente da Nigéria e mudará o nome do país para “Nova Jerusalém”. Omogoroye não tem uma trajetória conhecida como líder no campo religioso nem no político, mas já está atraindo seguidores que acreditam em suas declarações.
Ele disse ainda que estava aparecendo em diferentes países do mundo enquanto os cristãos fiéis aguardam que ele possa “redimir o mundo”.
“Hoje estou aparecendo para o mundo inteiro como o único filho de Deus, que todos esperavam. Venho no novo, em nome de Deus, como testemunho da promessa vinda da Bíblia em Apocalipse capítulo 3, versículo 17 e também 2: 5, 2: 7 e 2: 1”, assegurou. 
O “novo Messias” enfatiza também que “Minha missão é alertar o mundo que Jesus Cristo está de volta”. Questionado sobre os alertas bíblicos sobre o surgimento de falsos Cristos ele se defende: “Estou aqui para decodificar essa parábola e mostrar a revelação. Eu sou o Jesus Cristo da qual a Bíblia fala”. 
Fonte:Com informações de Daily Post/http://www.gospeln.com/homem-que-declara-ser-jesus-cristo-atrai-seguidores-na-africa

O Homem e a Carroça Com Três Pedras

Conta-se a história de um homem que um dia encontrou Deus num vale. - Como você está nesta manhã? – perguntou Deus. - Estou bem, obriga...